Homem viaja de Brasília a Itaporanga de moto para tentar contra ex e polícia evita novo crime passional

O administrador Gilvan da Silva Santos, de 39 anos, morador do bairro Itapuã, em Brasília, foi preso na tarde desta quarta-feira, 30, na Avenida Getúlio Vargas, centro de Itaporanga, por ameaças contra a ex-namorada. 

Os dois se conheceram e conviveram na Capital Federal, mas ela desistiu do relacionamento e retornou a Itaporanga, enquanto ele não se conformou com o fim do namoro.

                
Acompanhado de um sobrinho menor de idade, o homem viajou de Brasília a Itaporanga de motocicleta. Ameaçada constantemente pelo acusado, que, inclusive, chegou a exibir uma arma de fogo nas redes sociais, Vanessa Gonçalves Zuza, de 34 anos, desesperou-se ao tomar conhecimento de que o seu ex-namorado estava na cidade e levou o caso ao conhecimento da delegacia, onde já havia registrado um Boletim de Ocorrência anteriormente contra ele.
                
Policiais militares foram acionados e efetuaram a prisão do homem e a apreensão do adolescente. Os dois estavam armados com facas, que foram apreendidas junto com a motocicleta e outros objetos pessoais dos dois.
                
Em depoimento ao delegado, Gilvan negou que tivesse vindo a Itaporanga para tentar contra a vida da ex-namorada, mas foi autuado com base na Lei Maria da Penha e, como não tinha dinheiro para pagar a fiança arbitrada pela autoridade policial, foi recolhido à cadeia. Já com relação ao adolescente, ele será encaminhado a Brasília.

www.folhadovali.com.br
Fechar [x]