Servidores demitidos de hospital piancoense voltam ao trabalho depois de denúncia no MP

Os servidores demitidos do hospital de Piancó retornaram ao trabalho nessa quarta-feira, 27, depois de denunciarem à Promotoria de Justiça as demissões irregulares por terem ocorrido no período eleitoral. 

Conforme o vereador Neguinho Marinheiro, que é enfermeiro e foi um dos demitidos, o diretor do hospital foi convocado para prestar esclarecimentos no Ministério Público e, quando saiu da audiência, determinou o retorno dos funcionários ao trabalho.


Conforme ainda o parlamentar mirim, a direção do hospital já havia enviado carta de demissão para 7 servidores e mais 23 seriam demitidos, mas, se sentindo prejudicados, os servidores se mobilizaram e conseguiram reverter a situação.

É provável, no entanto, que, depois da eleição, como se trata de funcionários contratados e ligados a ex-prefeita Flávia Galdino, que deixou o governo, eles sejam definitivamente afastados do emprego.



folhadovali.com.br
Fechar [x]