Acusado de ser dono de plantação de maconha em Diamante é ouvido por Juiz, em Itaporanga

(Juiz da 2ª Vara)
DiamanteOnLine
O Juiz Antonio Eugênio, titular da 2ª Vara da Comarca da cidade de Itaporanga (PB), ouviu na manhã desta quarta-feira (26), o Senhor Edilzo Vicente da Silva, conhecido por “Edizio Pernambucano”, acusado de ser o “dono” da plantação de maconha que foi encontrada na cidade de Diamante (PB), em maio desse ano.
O acusado chegou ao Fórum João Espínola sob grande aparato da Polícia Federal. Um forte esquema de segurança foi montado para que a Audiência de Custódia pudesse acontecer de forma tranquila.
O pernambucano natural da cidade de São José do Belmonte foi acompanhado pelo seu advogado. Ele pediu a revogação da prisão e a transferência para um presídio de seu domicílio, porém foi negado, e terá que ficar preso na cidade de Patos.
(Acusado)
Edizio foi preso na noite da terça-feira, 18 de julho, na cidade de Petrolina-PE. Ele é tido no meio policial, como um dos maiores assaltantes a banco no Nordeste, com prática criminosa nos estados de Pernambuco, Piauí, Maranhão, Bahia, Ceará e Paraíba.
Em audiência, Edizio falou ao Juiz que já cumpriu mais de 16 anos de prisão por diversos crimes.

Fechar[x]