Agricultores começam colheita do arroz vermelho no Vale do Piancó

Radar Sertanejo

Neste ano, a área plantada foi de 635 hectares distribuídos em 15 municípios com a participação de mil famílias, numa estimativa de safra de aproximadamente 900 toneladas. A cultura do arroz vermelho se constitui na principal atividade para a agricultura familiar em municípios do Vale do Piancó, gerando oportunidade de desenvolvimento econômico.

No município de Ibiara, onde a colheita já começou, os extensionistas rurais assistem os agricultores e acompanham a colheita que começou nesta semana nas comunidades Zé Bento, Cosma, Malhada Santa Maria e Lagoa Seca. A colheita do arroz vermelho na Comunidade Zé Bento, por exemplo, apresentou uma boa produtividade.

Os agricultores são acostumados ao cultivo desta cultura, com o apoio recebido durante este ano por parte da Unidade Operativa da Emater em Ibiara, através dos extensionistas Francisco Ivantelson de Figueiredo e Francisco Pinto Ramalho.

Conforme a chefe regional da Emater em Itaporanga, Maria de Lourdes Pereira Alves, os agricultores fizeram seus plantios seguindo o calendário agrícola, aproveitando o período chuvoso e recebendo assistência técnica.

No Vale do Piancó os municípios com maior produção são Santana dos Garrotes (líder com uma área de 35% do plantio), seguido de Pedra Branca (20%), Itaporanga e Olho D’água (10% cada).

A cultura de arroz vermelho encontra terras férteis no Vale do Piancó, mas no momento os agricultores se preocupam com preços do produto.

Fechar[x]