Vereadores aprova o Plano Municipal de Educação de Nova Olinda

Na sessão ordinária do dia 06 de maio, a Câmara de Vereadores de Nova Olinda aprovou por unanimidade a Lei Complementar nº 002/2015, que reestrutura o Plano Municipal de Educação (PME) e dá outras providências, o LC encaminhado pela a prefeita, Maria Ducarmo, com validade de dez anos(2015-2025). 

As vinte metas estão organizadas em cinco eixos. No primeiro grupo de nove metas estão as chamadas de estruturantes para garantia do direito à educação básica com qualidade, isto é, que dizem respeito ao acesso, à universalização da alfabetização e à ampliação da escolaridade e das oportunidades educacionais. 

 Professores presente à sessão comemoram a aprovado 


O segundo grupo é composto por dois objetivos, referentes à superação das desigualdades e a valorização das diferenças, caminhos imprescindíveis para a qualidade. O terceiro bloco é composto por quatro metas, que trata da valorização dos profissionais da educação, considerada estratégica para que os propósitos anteriores sejam alcançados.

O quarto grupo refere-se ao ensino superior, que, em geral é de responsabilidade dos Governos Federal e Estadual. Seus sistemas abrigam a maior parte das instituições que atuam nesse nível educacional, mas isso não significa descompromisso dos municípios, considerando que é no ensino superior que tanto os professores da educação básica quanto os demais profissionais que atuam na cidade são formados, contribuindo para a geração de renda e desenvolvimento socioeconômico local.

O último grupo de metas trata do fortalecimento da Gestão Democrática e do Financiamento, imprescindíveis para a instituição do Sistema Nacional de Educação.

Os nove vereadores presentes à sessão da Câmara de Vereadores de Nova Olinda, neste sábado(06), votaram a favor do novo Plano Municipal de Educação, uma vitória para a educação do município.












(AR) - Ascom
Fotos: Desterro Ramalho (Facebook)
Fechar [x]