Blocão GI reúne pré-candidatos visando às eleições de 2016 e projeta candidatura própria a prefeito em Itaporanga

Exatamente a um ano das convenções que vão definir os candidatos a prefeito e vereadores nas eleições de 2016, os grupos políticos de Itaporanga começam a se articular nessa direção. 

Foi o que aconteceu na noite passada quando o Grupo Independente (GI), liderado pelo jornalista e multimídia Ricardo Pereira, reuniu o Blocão da Mobilização Social Cristã que contou com cerca de 48 dos 62 pré-candidatos ao cargo de Vereador já previamente alistados para a batalha vindoura.

Sob a coordenação do blogueiro e radialista, o grupo que era bem menor do que o atual sagrou-se nas últimas duas eleições municipais [em 2008 e 2012] como o terceiro mais votado da cidade, tendo ajudado na eleição dos prefeitos Djaci Brasileiro [em 2008] e do próprio atual Audiberg Alves [2012], que contou com o apoio de seis pré-candidatos, incluindo, um dos eleito pelo grupo naquele pleito.

Como se sabe a movimentação já é frenética nos bastidores em busca de estratégias e articulações para a formação das chapas mais competitivas. Com foco na real possibilidade de ampliar a bancada na câmara municipal, as tratativas empreendidas pelo jornalista visam o fortalecimento do grupo. Outro ponto importante aferido na reunião foi a viabilidade de construção de uma candidatura própria ao cargo de Prefeito que possa propor um novo projeto político para Itaporanga.

"A reunião foi o início de um planejamento rumo às eleições de 2016. Ficamos gratos com a vinda de várias lideranças políticas reconhecidamente de densidade eleitoral comprovada nas urnas em outras eleições, que se alistaram ao nosso grupo. Juntos estabelecemos os próximos passos para construirmos uma candidatura própria ao cargo de Prefeito oferecendo um projeto desejado pelos itaporanguenses. Como no caso da disputa proporcional quando já elegemos representantes na câmara e, agora, com a real possibilidade de ampliar a nossa bancada", declarou.

Ricardo afirmou ainda que o processo eleitoral em Itaporanga já começou, que neste período as especulações são normais, e que possíveis nomes à disputa eleitoral já são colocados em pauta. O jornalista pontuou que o grupo apresentará três chapas fortes na proporcional: duas com os chamados candidatos 'pequenos/médios' e uma incluindo seis candidatos grandes. E revela que o grupo tem 12 [doze] pré-candidaturas de mulheres.
 
"Vamos construir duas chapas de candidatos 'pequenos' com real possibilidade de eleger no mínimo três vereadores e uma dos grandes, que facilmente elege outros três. No final, poderemos chegar a uma bancada de seis vereadores eleitos. Sem esquecer que apresentaremos um candidato a prefeito", concluiu Ricardo.

A reunião serviu para articulação pensando nas eleições do ano que vem. Na noite passada foi com os chamados 'pequenos/médios' e na próxima semana será a vez da reunião com o sub-grupo que incluem os chamados pré-candidatos 'grandes', que estão na faixa acima dos 500 votos. Outras reuniões serão marcadas e as coisas irão se definindo gradativamente, afirmou o coordenador do grupo.

Blog Ricardo Pereira
Fechar [x]