Comando do 13º BPM nega incêndio criminoso em Coremas diz que não houve ocorrências após o jogo da seleção

Na tarde desta quarta-feira (09), o Comandante do 13º Batalhão de Polícia Militar, Major Jurandy Pereira, afirmou que esteve no 1º Pelotão da cidade de Coremas, onde ocorreu um grande incêndio nessa madrugada, que destruiu parte do alojamento policial, uma viatura modelo S-10 e um Fiat Uno particular.

Segundo o Major, as causas do incêndio ainda são desconhecidas, ele afirma que o fato não tem ligações com ocorrências pós-jogo da seleção brasileira, já que não houve sequer registros de alterações na cidade.

Três policiais chegaram a ser internados no Hospital coremense, vítimas de intoxicação por conta da fumaça provocada pelo incêndio.

O fogo começou a ser notado por volta das 3h30 da madrugada desta quarta-feira (9), quando os policiais foram acordados por vizinhos que avisaram que a viatura e um Fiat Uno de propriedade de um dos policiais estavam em chamas.

Os sargentos Washington e Viana e o cabo Vicente foram atendidos na unidade de emergência hospitalar tomando nebulização.

O fogo destruiu ainda parte da frente do prédio e a garagem onde estavam estacionados os veículos.



Fonte: DiamanteOnline
Fechar [x]