Justiça eleitoral marca para o dia 02 de junho nova audiência na AIJE que pede a cassação do mandato da prefeita de Diamante

O juiz eleitoral da 33ª Zona Eleitoral de Itaporanga, Carlos Gustavo Guimarães Albegária Barreto, publicou decisão interlocutória semana passada, quinta-feira - dia 21, designando [mais nova] audiência de instrução para a próxima segunda-feira (2/6), às 14h, na sala de audiências da 2ª Vara mista do fórum da comarca de Itaporanga, com objetivo de produzir prova oral requerida pelas partes envolvidas na  AIJE - Ação de Investigação Judicial Eleitoral nº 75057, que pede a cassação do mandato da prefeita de Diamante, Marcília Mangueira (PMDB), por suposta compra de votos nas eleições municipais de 2012. 
 
O juiz pede urgência no cumprimento da intimação, advertindo sobre a presença das testemunhas independente de intimação. 
 
"Diante do exposto, objetivando-se prevenir futura alegação de cerceamento de defesa e ofensa ao contraditório e considerando o largo lapso temporal decorrido neste feito prioritário, sem que se tenha,ainda, decisão de piso, chamo o feito à ordem para tornar sem efeito o despacho de fls. 311 e designo audiência de instrução para o dia 02/06/2014 às 14h00min, na sala de audiências da 2ª Vara mista do fórum local da comarca de Itaporanga, vizinho ao cartório eleitoral desta 33ª zona, onde será produzida a prova oral requerida pelas partes", diz a decisão tomada pelo magistrado, mandando cumprir a intimação com urgência. A AIJE foi movida pela candidata derrotada Carmelita Mangueira (PSDB).
 
Fonte: www.rpscom1.blogspot.com.br
Fechar [x]