Prefeitura que mais deve no Vale: Piancó encerrou 2013 com dívida corrente de quase 5 milhões


A Prefeitura de Piancó encerrou o exercício financeiro de 2013 com um desequilíbrio expressivo em suas finanças: o município ficou longe de conseguir pagar tudo o que empenhou entre janeiro e dezembro do ano passado.

Entre despesas gerais, custeios e investimentos, as contas do município chegaram a 35, 4 milhões de reais em 2013, dos quais o município pagou 30, 7 milhões, alcançando um endividamento corrente que chega perto de 5 milhões de reais.


Embora tenha sido a Prefeitura regional que mais movimentou dinheiro em 2013, os cofres municipais não suportaram despesas tão elevadas, principalmente com funcionalismo municipal, material de consumo e serviços de terceiros. 


folhadovali.com.br

Fechar [x]