Jornalista Sousa Neto lança livro na API neste sábado

“O encontro de Bin Laden e Lampião” é título do livro a ser lançado, neste sábado (03), às 16h00 e no auditório da API (Associação Paraibana de Imprensa), no Centro de João Pessoa, e que foi escrito, em forma de cordel, pelo jornalista itaporanguense Sousa Neto (foto). 

O livro aborda fenômenos sócio-políticos como o Coronelismo e o Imperialismo, e traça, segundo o Autor, uma ponta ideológica desse binômio cultural, caracterizado pela opressão e a promiscuidade a que foram levadas as instituições republicanas, principalmente, no Nordeste brasileiro, há séculos.


Na obra, Sousa Neto satiriza, com sutilezas, as grandes diferenças que há entre nações ricas e nações pobres, de todas as partes do Mundo, focado nos aparelhos de Estado de auto-defesa econômica, social e armamentista, com ênfase para as enormes diferenças de condições de vida acarretadas por esses fenômenos.
Embora ficcionado, o cordel, segundo o jornalista, retrata muitos episódios do mundo da realidade, protagonizados pelos personagens em que se concentra todo o enredo do que dar formatação ao livro, sublinhando as injustiças daí decorrentes, em detrimento, aliás, de estratos sociais subjugados.
O evento cultural será prestigiado por intelectuais do Vale do Piancó, incluindo alguns que residem na Capital paraibana, e já está assegurada a presença, por exemplo, do jornalista e escritor Paulo Conserva, autor de obras como “Mugiqui” e “Navegando no Exílio – memórias de um marinheiro”, além do próprio presidente da API, jornalista João Pinto, que é natural de Santana dos Garrotes.
MaisPB
Fechar[x]