Projeto em Escola de Itaporanga é referência para o Vale do Piancó


Atendendo reivindicação da Escola Cidadã Integral Prof. Francelino de A. Neves Prefeitura realiza limpeza em trecho do Rio Piancó.

Discussão e Ação em Favor da Sustentabilidade Ambiental

Somos seres humanos, somos seres vivos, somos seres que necessitamos desse Planeta assim, como qualquer outro animal, vegetal, ou outra espécie viva. Com essa convicção, a Escola Cidadã Integral Prof. Francelino de Alencar Neves vem desenvolvendo projetos, objetivando a formação de uma consciência ambiental capaz de reconhecer que o meio ambiente tem importância em si mesmo, sendo por isto necessário preservá-lo.


Em aula de campo no último mês de maio os professores Eudo Reges, Alcilene Araujo, Edna Kátia, Conceição Queiroz, Rosemary Costa e alunos da referida Escola puderam constatar a ocorrência de um verdadeiro crime ambiental, ao ver o leito do Rio Piancò, na altura que liga o setor conhecido por Mata Burro ao Conjunto Chagas Soares sendo transformado num verdadeiro lixão, conforme pode ser constatado nas fotos abaixo.





Num verdadeiro exercício de Protagonismo Juvenil  e cidadania os estudantes se dirigiram a Prefeitura Municipal de Itaporanga, onde protocolaram um documento pedindo a retirada do entulho de construção civil, garrafas de vidro e outros materiais do leito do Rio.




Posteriormente em audiência com o Secretário de Meio Ambiente, Danilo Medeiros Diniz, foi acordado uma ação de parceria entre a Escola e a Prefeitura local, onde a Escola faria uma mobilização para conscientizar a população de modo a não mais jogar lixo no Rio, enquanto o Poder Público faria a limpeza do local.




Em caminhada pelas ruas da Cidade em direção ao Rio, os alunos seguiram cantando a música Rio Piancó de Autoria de Francisco Saulo Lacerda e durante as paradas o aluno Samuel Braz, realizou a leitura de texto produzido por ele, orientado pela Professora Rosemary Costa.




Os estudantes ainda compareceram para presenciar as máquinas no Rio e retornaram após a limpeza, acompanhados do Professor Eudo Reges, para afixar placas com o objetivo de sensibilizar as pessoas para que não voltem a jogar lixo no Rio.
 É necessário que todos façam a sua parte destinando corretamente os seus resíduos, esta é uma lição que muitos ainda precisam aprender.











Trecho do texto do aluno Samuel Braz
“O Rio pede socorro não apenas ao poder público, é preciso que a comunidade tome consciência da sua responsabilidade quanto a preservação tanto do Rio como de todo meio ambiente, pois não há como pensar a existência humana sem as devidas e necessárias condições ambientais. Todos nós somos responsáveis pela preservação ambiental buscando adotar atitudes ecologicamente saudáveis como podemos constatar no Artigo 225 da Constituição Federal: “Todos têm direito ao meio ambiente ecologicamente equilibrado, bem de uso comum do povo e essencial a sadia qualidade de vida, impondo-se ao Poder Público e a coletividade o dever de defendê-lo para as presentes e futuras gerações”. Assim sejamos responsáveis, nós precisamos do Meio Ambiente, o Meio Ambiente não precisa de nós”.

Fonte: eciproffrancelinoalencarneves.blogspot.com.br
Fechar [x]