Jovem Ciro Kayary, vítima de acidente de moto em Conceição, teve morte cerebral na noite de ontem confirmada no hospital de Trauma de Campina Grande

O jovem Ciro kayary Vieira Frade de Lacerda, 23 anos, teve morte encefálica confirmada, por volta das 22h, da noite desta quarta-feira (14), no hospital de Trauma, em Campina Grande. Ele foi vítima de uma colisão entre duas motos no último dia 4, no momento em que retornava do sítio Canoa, zona rural de Conceição, onde havia ido deixar um eleitor que havia votado no seu irmão para conselheiro tutelar. 

Desde o ocorrido, o jovem se encontrava em coma induzido na UTI do hospital, mas lutava contra a morte prematura. No início da noite desta quarta-feira (14), Ciro teve o estado de saúde agravado e não resistiu os ferimentos e teve morte cerebral.

Foram 23 anos de alegria no seio familiar, até o fatídico dia do acidente. Desde então, foram 10 dias de aflição, de angústia, de dor e, finalmente, de muita tristeza. Ciro kayara era um jovem belo, na melhor essência da palavra beleza, rodeado de amigos, amado por todos eles. Sua morte abre uma lacuna na própria sociedade de Conceição, que além de todos a lamentarem, espremem os mesmo sumos nos olhos, tal qual família do jovem.

A morte é uma visita que não leva recados. Leva a nós mesmos, sem nos dar chance de nos despedir das pessoas que mais amamos. E, de forma cruel e insensível, maltrata as pessoas que nos amam de verdade. A família analisa a possibilidade de doar os órgãos. A cidade de Conceição tem uma noite sombria de tristeza.
Foram muitas orações, vindas de todas as partes, com fé, com esperança, até o último minuto em que se confirmou o momento amargo. "Não deu!", disse como muita tristeza na voz, um tio do jovem, que estava no hospital no momento da confirmação da morte cerebral. 

Gilberto Ângelo - VPN
Fechar [x]