Vereador é preso em festa e conduzido à delegacia de Itaporanga, mas assina TCO e é solto

Um vereador da cidade de São José de Caiana deu trabalho à Polícia Militar no final da festa de João Pedro da cidade de Pedra Branca na madrugada desta segunda-feira, 14. Mayky Lanec Viana Ferreira, de 22 anos, foi detido por policiais militares e conduzido à delegacia de Itaporanga, onde assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi solto, mas ainda terá que prestar esclarecimentos à Justiça.


Segundo relatório da Polícia Militar, o parlamentar mirim do PTN estava com seu carro estacionado em cima da praça pública e com o som abusivo. Na primeira abordagem policial, ele retirou o carro do local e diminuiu o volume, mas, depois da saída da polícia, voltou a colocar o veículo sobre a praça e ligar o som, e, antes disso, teria dado cavalo de pau no carro e feito gestos obscenos em via pública.

A polícia novamente foi acionada e o vereador recebeu voz de prisão, mas teria reagido com desacato aos policiais. Segundo ainda o relatório, durante o trajeto até a delegacia e dentro do órgão policial, o parlamentar mirim teria feito ameaça de morte contra os PMs e dizendo que não poderia ser preso porque era vereador.

Na delegacia, ele assinou o TCO e foi liberado. Segundo a PM, ele cometeu vários delitos, entre os quais ameaça, direção perigosa, desacato, desobediência e ato obsceno.


folhadovali.com.br
Fechar [x]