Sargento da PM, que comandava o Destacamento de Diamante, foi brutalmente assassinado na zona rural de Ibiara

O sargento da polícia Militar Pedro Marques da Silva, 52 anos, que comandava o destacamento policial na cidade de Diamante, foi brutalmente assassinado, nesta terça-feira (17). 
 
O crime ocorreu no sítio Malhada, de propriedade do militar, localizado no município de Ibiara. O policial tinha nome de guerra de “Da Silva” e residia na cidade de Ibiara. 
 
De acordo com informação da polícia militar, “Da Silva” estava na sua propriedade, quando quatro homens, usando uma caminhonete D-20 de cor vermelha e uma moto Broz  chegaram e efetuaram vários tiros contra ele. O sargento ainda tentou escapar da morte, correndo e atravessando a pista, mas foi perseguido pelos seus algozes, que não paravam de atirar na sua direção.
Sargento da polícia militar é brutalmente assassinado, na zona rural de Ibiara

De acordo com informação da polícia militar, “Da Silva” estava na sua propriedade, quando quatro homens, usando uma caminhonete D-20 de cor vermelha e uma moto Broz  chegaram e efetuaram vários tiros contra ele. O sargento ainda tentou escapar da morte, correndo e atravessando a pista, mas foi perseguido pelos seus algozes, que não paravam de atirar na sua direção. 
 
Sem forças, o militar caiu em uma ribanceira e morreu no local, depois de ser atingido por vários disparos. Em seguida, os assassinos fugiram do local. O corpo foi encontrado, somente depois de uma hora, pela família que sentiu a falta do militar. Ao saber dos disparos, a família saiu procurando e encontrou o corpo sem vida.

A polícia militar foi acionado e saiu em diligência, na tentativa de prender os criminosos, mas até o momento ninguém foi preso. Ainda de acordo com informações da Polícia Militar, os supostos suspeitos já foram identificados e estão sendo procurados, por toda região.
 
13º BPM / Fotos VPN e DiamanteOnline
Fechar [x]