Em reunião, juiz, promotor, policias civil e militar decidem 'fechar o cerco' contra criminalidade no Vale do Piancó

O juiz Antônio Eugênio que responde por duas Varas além da Justiça Eleitoral da cidade de Conceição (PB), cumulando a partir de agora com a 1ª Vara do Tribunal de Júri de Itaporanga, falou sobre o novo desafio e a perspectiva de trabalhar pela integração da justiça e as policias de todo o Vale do Piancó, no combate ao avanço de crimes contra a vida e demais providências que serão adotadas.


Uma reunião, na manhã desta quinta-feira (22), no Fórum da Justiça comum itaporanguense, contou com a presença de várias autoridades, a exemplo do Major Guedes (representando o 13º Batalhão), Coronel Gerônimo (CPR-2), Capitão Kleber (2ª Cia de Conceição), Joáis Marques (17ª Delegacia Seccional de Polícia Civil), Ernani Lucas (Promotor de Justiça) e Antônio Eugênio (Juiz). 
De acordo com o juiz Antônio Eugênio, o cerco irá se fechar para a criminalidade na região: 

“Definitivamente irei trabalhar contra esse aumento do índice de crimes contra a vida. O caso se tornou alarmante, desde os primeiros dias de 2015. Neste primeiro momento estivemos traçando as metas que já estarão em prática no carnaval. Irei levar a proposta para as minhas colegas das comarcas de Piancó e Coremas, acredito que iremos de fato integrar esta área”, comentou.

Para o juiz que assumiu recentemente a Vara das Execuções Penais de Itaporanga, há um grande inchaço de condenados com grandes penas, presos na Cadeia Pública da cidade, e a providência será pedir a transferência dos mesmos para um presídio. “Vou tentar, dentro das minhas possibilidades, trabalhar dia e noite para que os processos tenham um encaminhamento necessário”, pontuou.

Eugênio que é natural da cidade de Piancó, conhece de perto as realidades da sua região. 

Recentemente o piancoense participou de um Curso de segurança da Swart, que só reforçou a bagagem que carrega sobre a segurança pública, a qual se utiliza constantemente na vida da magistratura.

Após participar da reunião, o Major Guedes, atribuiu à ação como um marco importante para a Segurança Pública regional, que a partir de agora será focada em combater diretamente essas práticas criminosas, através de operações ostensivas em toda a região.
 
Diamante Online
Fechar [x]